A grande celebração

Participar de uma festa que eleve nossa alegria até o ponto máximo; sentir-se parte de um momento único e mágico; ser arrebatado pela alegria – eis o nosso desejo. Isso não é necessariamente mundano ou pecaminoso. O fato é que Deus configurou nossas almas para a consumação dos séculos. De acordo com Apocalipse 7.9-12, após o Juízo, ocorrerá uma Grande Celebração.

Um evento multiétnico reunirá milhões de pessoas, todas adequadamente vestidas e imbuídas de espírito festivo (v. 9-10). O Patrocinador e centro das atenções, a Celebridade das celebridades, será o Rei dos reis e Senhor dos senhores, o Deus Todo-Poderoso (v. 10). O motivo da festa? O louvor a ele pela salvação (v. 10).

Nós somos afetados por efeitos visuais: Laser, fumaça ou luzes coloridas, manipulados de modo a produzir euforia ilusória. Na Grande Celebração veremos anjos rodeando o trono de Deus. A igreja – os 24 “anciãos” – e o universo – “os quatro seres viventes” – se prostrarão diante de Deus e o adorarão com fervor (v. 11).

Ao ouvir boa música nossa mente e coração são arrebatados pelo som deleitoso. Ouvimos Mozart, Brahms ou Pena Branca e Xavantinho. O cérebro é inundado de serotonina e somos tocados. Nós pagamos por isso, disputamos lugares nas conchas acústicas e casas de espetáculos. Você já parou para meditar na sublimidade da música celestial, no alto nível da trilha sonora da Grande Celebração? Você já imaginou o que é estar em um Concerto de música angelical?

Grande festa, no novo céu e nova terra, após a consumação. Não podemos perder isso por nada. Tem gente que economiza o ano inteiro para assistir, ao vivo, o show de sua banda preferida, sonhando em estar na primeira fila, frente a frente de seu músico predileto. Invistamos tudo, planejemos e coloquemos nossos corações em obter as vestimentas e assegurar nosso lugar no Grande Evento. Eu quero estar, naquele Dia, transbordante de júbilo, diante do trono de Deus e do Cordeiro!

Rev. Misael. Publicado no Boletim 130, de 24/06/2012.

Categorias: PastoraisTags: , , , ,

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *