Rua Prudente de Moraes 2664, SJ Rio Preto, SP  (55 17) 3214-1410 - Disque Paz: (55 17) 3234-2905

Guardar os pés

Eclesiastes 5.1 contém uma expressão curiosa: “Guarda o pé, quando entrares na Casa de Deus”. A Nova Versão Internacional substitui “guarda o pé” por “seja reverente”.

Reverência implica em formalidade, mas não apenas isso. Biblicamente, a reverência deve expressar amor sincero (cf. Malaquias 1.6). E a intensidade deste amor desdobra-se em maior qualidade do que fazemos para Deus: Como o buscamos, servimos e cultuamos.

Isso se traduz em foco e preparação. O que tem a ver com o Senhor é colocado no centro, e investe-se tempo e energia em preparação. Vamos receber uma pessoa amada? Aprontamos tudo de antemão. Nosso time vai disputar uma final em outra cidade? Compramos ingressos e planejamos a viagem com minúcia e antecedência.

Ao tratar das coisas de Deus, porém, nem sempre é assim. O tragicamente comum é deixar o que concerne a ele para a última hora. Em tal conduta, transparece nosso coração irreverente. Daí a atualidade de Eclesiastes: “Guarda o teu pé”.

Então oramos: “Deus, ajuda-nos a amá-lo mais. Queremos ser mais reverentes, para o teu agrado. Por Cristo Jesus. Amém”.

Pr. Misael. Publicado no Boletim 305 | 01 de novembro de 2015.

Categorias: PastoraisTags:

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *