Coragem e sabedoria

Coragem e sabedoria

Existem diferentes imagens para descrever a caminhada de um cristão. Uma dessas imagens é a figura de um pastor conduzindo o seu rebanho. Somos ovelhas de um Pastor amoroso que zela por nós e nos leva aos pastos verdejantes. Mas há imagens diferentes.

Uma delas é a de uma batalha. Paulo fala de nossa luta não ser contra carne ou sangue (Efésios 6.12), e fala das armas da nossa milícia (2Coríntios 10.5). Portanto, junto à imagem de ovelhas conduzidas às águas tranquilas, somos soldados no meio de uma batalha intensa.

A história de Daniel providencia grandes lições para as nossas batalhas. Daniel e seus amigos foram soldados que conjugaram duas virtudes fundamentais: coragem e sabedoria diante das pressões culturais.

A visão de mundo da Babilônia e os poderes estabelecidos, simbolizados na pessoa de Nabucodonosor, pressionavam Daniel, Hananias, Misael e Azarias, para que se adaptassem e assimilassem os valores do Império. Daniel e seus amigos agiram com cautela, sem polemizar gratuitamente, mas sem abrir mão de suas convicções.

A Babilônia continua a nos pressionar hoje. Com a graça de Deus, poderemos permanecer fiéis, honrando a Deus no tempo e no lugar em que Ele nos colocou.

Rev. Allen