13. O reino dividido [Mc 3.20-30]

Este é um dos mais úteis e desafiadores ensinos do Senhor Jesus Cristo, aplicável na vida profissional, no âmbito da família e em todas as instâncias do reino de Deus, sobretudo na igreja.

Se você quer absorver esta palavra de nosso Senhor Jesus Cristo, preste atenção nas repetições. Nosso Redentor está nos dizendo que é preciso compreender que lidamos com coisas importantes e lutar por elas. Ele usa as palavras, “reino” (duas vezes no v. 24) e “casa” (duas vezes no v. 25). O primeiro termo (basileia) aponta para uma estrutura que pode ser política ou econômica, daí a tradução na NTLH, “país” (v. 24). O mesmo vocábulo é usado por nosso Senhor referindo a uma jurisdição espiritual; em outras passagens ele fala do “reino de Deus” (1.15); aqui ele faz alusão ao “reino de Satanás”. O segundo termo, como eu disse, “casa” (v. 25) traduz uma expressão na língua grega (oikia) que é a base para a palavra em português “economia”, e que significa, literalmente, o “domicílio” constituído por pessoas que têm uma ligação “por sangue e casamento”. Isso inclui, no contexto do 1º século, até os “escravos e servos, que vivem na mesma casa ou herdade”. Por isso a tradução da NTLH, “família”. O que é um reino? Pelo menos no que diz respeito ao reino de Deus e aos melhores reinos humanos, reino é uma estrutura de domínio — de exercício de autoridade que assegura bem-estar aos súditos. O que é uma família? Uma família também é uma instância de exercício correto de autoridade, mas, acima de tudo, de provisão de amor, provisão e capacitação para a vida. Essas coisas são importantes.

0 Comentários

Deixe uma resposta