'comunhão' Posts Marcados

Comunhão preciosa

Os grupos pequenos da igreja (grupo da igreja simples, GIS) têm sido motivo de gratidão a Deus em meus dias. Dentre as razões, destaco a comunhão que eles promovem. Esses grupos despertam envolvimento que gera intimidade entre os irmãos. Por meio do estudo das Escrituras, da prática cristã, da oração mútua, dos testemunhos de vitórias e tropeços, Deus nos permite levar as cargas uns dos outros (Gl 6.2) e, assim, consolando-nos, nos fortalece na caminhada diante dos desafios da vida.…
PAMONHA NA PALHA DE MILHO - FRUTOS DA TERRA - GIOANIA

A dádiva da pamonha

Deus manifesta as suas bênçãos sobre o povo da aliança de diferentes modos. Às vezes elas vêm em forma de pamonha. Não se engane: eu nunca fui fã de milho, e trocaria facilmente um bolo de milho ou pamonha por alguma comida menos saudável, como um hambúrguer gorduroso cheio de produtos industrializados. Mas nada disso me impede de reconhecer a dádiva. A igreja primitiva experimentava dinâmicas próprias de sua vida com Deus e com os irmãos. Como lemos nos primeiros…

O crente inteiro no domingo inteiro

Amor, tempo e presença são intimamente ligados. Quem ama deseja o máximo possível estar junto. Afirmar amor sem dedicar tempo é contradição. Como sabemos que Deus nos ama? Não apenas ele declara seu amor, mas revela-se como Emanuel, Deus Conosco; Jesus Cristo se fez carne e habitou em nosso meio e o Espírito Santo vive em nós. Desfrutamos de seu amor em comunhão diária. Um pai que ama seu filho passa tempo com ele e vice-versa. Cônjuges que se amam…

O crente inteiro no evento inteiro

A definição mais geral do Dicionário Aurélio para a palavra “evento” é “qualquer acontecimento de especial interesse”. Sendo assim, nossos cultos dominicais são eventos. Se na pastoral anterior falamos da necessidade de o crente estar inteiro na adoração a Deus, nesta destacamos a participação na adoração inteira. Daí o quadro impresso em nosso Boletim: o crente inteiro no evento inteiro. Se Deus valoriza a inteireza nós temos de valorizá-la também. Imaginemos estes quadros dominicais. (1) Pela manhã o crente participa…

O crente inteiro

Não nos agradamos das coisas pela metade. Ainda não conheci sequer uma pessoa que frequente estádios de futebol para assistir metade de cada jogo, ou quem se satisfaça assistindo a meio filme, ou lendo meio livro. Se você é como eu, talvez considere impensável saborear meio grão de pipoca; e se você é como a maioria dos brasileiros, sabe que é muito difícil passar o mês com meio salário. Nos relacionamentos também é assim. De que vale meio amigo? Você…