'Oração' Posts Marcados

Páscoa e oração

Os eventos da Páscoa nos convidam a orar. A redenção ocorreu na trilha da oração. Na noite que precedeu a crucificação, Jesus dirigiu sua voz ao Pai (Mt 26.36-46). A Páscoa nos fala de um Deus de comunhão, que deseja se relacionar conosco em aliança. Podemos comparecer diante de Deus hoje, amanhã e na eternidade perdoados, purificados e pacificados, como filhos e servos comungantes com Deus. Por natureza somos filhos da rebelião e avessos a Deus; pela graça podemos ser…

Orando como Jesus

A oração de Jesus em Mateus 6, o Pai Nosso, é um mapa de orientação espiritual. Jesus nos oferece um tipo de relacionamento transformado com Deus. A oração inicia com uma percepção de distância e proximidade: Deus está no céu e é nosso Pai. E com essa compreensão, é possível apresentar nossas petições. Mas Deus não é um gênio da lâmpada. Nossas petições precisam ser reorganizadas e nosso coração reajustado. Jesus nos ensina, primeiro, a habitar em Deus, encontrando satisfação…

Ajuntar, concordar e orar

A oração nunca deixou de ser uma função importante da casa de Deus. Em Marcos 11.17, entrando no templo, Jesus expulsou dali os vendedores e “também os ensinava e dizia: Não está escrito: A minha casa será chamada de casa de oração para todas as nações?” Jesus ensinando mostrou que a sua casa não é casa de comércio. Mas sim o lugar onde são oferecidas orações para que a benção e a graça de Deus alcancem todas as nações. Jesus…

A rotina e a mecânica da oração

Quando eu era mais jovem, alguém me explicou Mateus 6.5-8 argumentando que ler a Bíblia e orar não podem ser práticas rotineiras e mecânicas. Na ocasião eu concordei com tal ensino, entendendo que rotina e mecânica não são condizentes com uma espiritualidade verdadeira. Hoje considero defeituosa esta ideia de considerar ruins a rotina e os atos mecânicos. Enquanto produzo este texto, minha mente administra o alvoroço de múltiplas conexões e meus dedos se movem rapidamente sobre o teclado do computador.…
Orações pelo novo governo

Encorajamento à oração

Versão em PDF (202 KB). A nossa confiança, devemos nos recordar, deve estar no Deus Todo-Poderoso, que nos capacita para toda boa obra. O Deus que busca o seu povo no deserto de seus próprios pecados, que nos dá corações arrependidos, ele mesmo não nos providenciará novo coração? Pois, aquele que inclina o coração de reis não há de inclinar os corações de nossos governantes? Não é o Senhor dos Exércitos o que comanda, o “capitão” que governará nosso país?…
Cristologia devocional

Cristologia devocional (conclusão)

Os antigos liam o Cântico dos Cânticos como uma metáfora do amor entre Deus e o crente: “Como és formoso, amado meu, como és amável!” (Ct 1.16). Cristo não é um tema, mas Deus, a quem amamos com todo o coração, todo o ser e todas as forças (Dt 6.5). Na contemplação, o Mandamento se torna vivo, alegre e prazeroso (Mc 12.29-32). O poeta passa horas diante do seu mar. O enamorado passa dias olhando para o bilhete de sua…
Cristologia devocional

Cristologia devocional

O teólogo John Owen afirmou: “Se estamos satisfeitos com uma simples ideia da glória de Cristo, como se fosse um pouco de informação obtida das Escrituras, descobriremos que ela não tem poder transformador para as nossas vidas”.[1] Dito de outro modo, conhecimento cristológico é interação viva com Jesus. Na conversão a luz divina brilha em nossos corações e Deus é conhecido na “face de Cristo” (2Co 4.6). Passamos a contemplar a glória do Senhor “como por espelho” (2Co 3.18). Contemplar…

A importância da oração

Quando alguém me diz que está orando por mim, eu fico muito contente e agradecida! No início do ano é muito comum e necessário ouvirmos e lermos a respeito dos compromissos, das boas perspectivas, de bons lemas e resoluções. Contudo, pouco se ouve sobre uma das questões mais presentes na experiência humana diária: o sofrimento. Sempre ouvi do Rev. Lacerda, Sr. José de Freitas, Dona Yolanda e Dona Risoleta dizer: estou orando por você! Hoje fico me perguntando, quem está…

A casa de oração

No Antigo Testamento a casa de oração era o templo. Até que veio Jesus. Um dia ele entrou no santuário de Jerusalém e baniu os mercadores. Diante da reação dos judeus ali presentes, o Redentor afirmou: “Destruí este santuário, e em três dias o reconstruirei” (João 2.19). O evangelista explica que, com tais palavras, nosso Senhor “se referia ao santuário do seu corpo” (João 2.21). O evangelho traz esta primeira novidade: Em Cristo encontra-se a glória que antes pousava sobre…

Uma igreja saudável

Todos nós queremos fazer parte de uma igreja saudável, viva e forte. E é assim que Deus deseja que sejamos. Quais os sinais de uma igreja saudável, viva, pujante? Seria uma igreja abarrotada de pessoas aos domingos? Seria uma igreja com dezenas de ministérios ativos? Seria uma igreja com um bom marketing pessoal, onde as pessoas se sentem bem? Não! O que a Bíblia diz? Para sabermos o que é uma igreja saudável, primeiro, precisamos saber o que não é…
  • 1
  • 2